BEGIN TYPING YOUR SEARCH ABOVE AND PRESS RETURN TO SEARCH. PRESS ESC TO CANCEL

APRESENTANDO: Palace Hotel – a melancolia desenhada para pessoas comuns

front

Eu nunca escondi meu fraco por qualquer tipo de manifestação que possua um tom melancólico. Inclusive, no texto mais pessoal que escrevi nesse blog, falei um pouco sobre isso. Elas me atingem em cheio e me absorvem de uma forma que é tão surpreendente e ao mesmo tempo tão óbvia que o resultado é um pout-porri de sentimentos daqueles que por si só justificam a existência das artes. E entre todas as artes a música sempre foi a menina dos meus olhos. Não é nada incomum então que eu me encontre frequentemente fisgado por algum disco ou canção que penda para o lado mais triste.

Tendo dito isso eu tenho que confessar que ando apaixonado por uma banda. Seria só mais um tópico no grupo da Sinewave no Facebook se eu não tivesse ouvido o Palace Hotel e seu Carnival Nights e ele tivesse despertado em mim, no mais alto grau de intensidade, todos as sensações que eu abordei no primeiro parágrafo desse texto. Como um amigo que me conhece mais do que o suficiente, a melancolia me abraçava, cada vez mais apertado, a medida que as canções iam acontecendo. As referências ao Sparklehorse, um dos meus grupos preferidos de todos os tempos, a atmosfera lo-fi das composições e as letras proferidas cadenciadamente faziam com que “às vezes eu sentisse meu coração desacelerando”, como proferem os versos de Slowing Down.

Minha reação automática foi varrer a internet atrás de informações sobre o grupo, no que não tive muito sucesso. Resolvi então perguntar diretamente à pessoa que havia criado o tópico e descobri que o Palace Hotel é na verdade um homem só: André ZP. Sim, ele é brasileiro e me contou um pouco sobre as origens do projeto e suas outras empreitadas, que incluem a fundação de um coletivo voltado a chipmusic, o Chippanze.orge um projeto de música eletrônica feito basicamente com Game Boys (sim, aquele console da Nintendo), o Pulselooper. Tudo isso será explorado em outro post no qual pretendo entrevistá-lo.

André tocou na banda que acompanhou Daniel Johnston ao país nesse ano. Entregou também que esse é o único disco do Palace Hotel, gravado em 2007, mas que pretende lançar material novo em breve. Por favor.

Abaixo você pode ouvir o disco na íntegra e decidir por você mesmo. Se preferir pode fazer o download gratuito aqui utilizando um dos códigos. Diferente do multi-colorido carnaval referido no título, você vai encontrar aqui a vida em suas cores mais abundantes: o branco, o preto e, principalmente, o cinza.

back

2 Comments

  1. Caraca parece eu escrevendo, também gosto muito de musicas melancólicas e eu amei Palace hotel “Carnival nights”, vale a pena conferir.

  2. Muito obrigada pelo código para download, estava procurando há um tempo (:

Leave a comment