Batendo palmas com o Clap Your Hands Say Yeah

A Campari um dia sentou e falou: “vamos fazer uma festa?” “Vamos” e decidiu por que decidiu fazer uma festa homenageando um drink: o Negroni, que pra mim era uma pessoa, um empresário da marca, um Eike Batista (em seu auge), mas ok. A festa fechada super badalada e cheia de hype trouxe os americanos do Clap Your Hands Say Yeah, que lançaram o ótimo Only Run esse ano e fizeram um dos shows mais divertidos e fiéis ao seu trabalho de estúdio do ano.

clapyourhandsdisco

Skaters sim. Skate não.

Formada em 2012, original de Los Angeles mas que escolheu Nova Iorque como centro de inspirações, a banda Skaters não tem nenhum skatista.

E da onde veio o nome? Michael Ian Cummings explica: “O nome me lembra da minha juventude e da maneira que eu senti a ouvir música e sair com os meus amigos correndo ao redor da cidade ser um hooligan”.

Eles estão juntos faz pouco tempo  mas parece que o tempo que ficaram trancados numa sala em Nova Iorque, fazendo covers de Pixies até acharem que estavam prontos pra compor e tocar suas próprias músicas,  fez muito bem e deu a eles uma sincronia muito boa.

Article-1096751-photocreditshanemccauleyextralarge_1384974091027

Converse Rubber Tracks: Dia 05

Domingo, 03 de agosto, quinto e último dia do Converse Rubber Tracks, o cansaço já estava batendo no teto e meu converse surrado pedindo arrego, mas ainda restava energia para assistir o dia mais pesado do festival e por incrível que pareça um dos dias mais calmos de todos na questão de organização. No palco MagüeRbeS, DLC, The Sword e a aguardada Clutch.

converse5

Converse Rubber Tracks: Dia 04

Com gente na fila desde as 11h da manhã, o dia mais equilibrado no line up trouxe os tiozões indies dos anos 90, muitos que vieram de longe, para ver os também tiozões indies dos anos 90 do Dinosaur Jr. Além de J. Mascis e sua trupe de dinossauros o quarto dia do festival também tinha a curiosa Churrasco Elétrico, pequena grande Single Parents e os canadenses do Fucked Up.

converse4

Converse Rubber Tracks: Dia 02

O segundo dia foi marcado pela nostalgia, mas não a nostalgia dos anos 80/90, uma nostalgia recente que pode se tornar o próximo revival de estilo musical. O público da noite temendo não conseguir entrar no Cine Joia aguardava desde o meio da tarde de quinta-feira e as 20h a fila já era gigantesca, a VIP entretanto era pequena, teríamos finalmente um dia de festival basicamente para os diversos tipos de fãs que estavam por ali.

rubbertracks2