Converse Rubber Tracks: Dia 05

Domingo, 03 de agosto, quinto e último dia do Converse Rubber Tracks, o cansaço já estava batendo no teto e meu converse surrado pedindo arrego, mas ainda restava energia para assistir o dia mais pesado do festival e por incrível que pareça um dos dias mais calmos de todos na questão de organização. No palco MagüeRbeS, DLC, The Sword e a aguardada Clutch.

converse5

Converse Rubber Tracks: Dia 04

Com gente na fila desde as 11h da manhã, o dia mais equilibrado no line up trouxe os tiozões indies dos anos 90, muitos que vieram de longe, para ver os também tiozões indies dos anos 90 do Dinosaur Jr. Além de J. Mascis e sua trupe de dinossauros o quarto dia do festival também tinha a curiosa Churrasco Elétrico, pequena grande Single Parents e os canadenses do Fucked Up.

converse4

Converse Rubber Tracks: Dia 02

O segundo dia foi marcado pela nostalgia, mas não a nostalgia dos anos 80/90, uma nostalgia recente que pode se tornar o próximo revival de estilo musical. O público da noite temendo não conseguir entrar no Cine Joia aguardava desde o meio da tarde de quinta-feira e as 20h a fila já era gigantesca, a VIP entretanto era pequena, teríamos finalmente um dia de festival basicamente para os diversos tipos de fãs que estavam por ali.

rubbertracks2

Guitarras, pedais e Japoneses loucos no SESC

O SESC sempre foi motivo de alegria dos fanáticos por música de todos os estilos, desde os que adoram bandas dinamarquesas que só você ouviu falar, até os que gostam de tomar um vinho ouvindo algum nome da MPB numa quinta a noite. Com preços mais do que acessíveis, qualidade de estrutura e horários que salvam os dependentes do transporte público, não interessa se o evento é num final de semana ou numa quarta-feira as chances de lotar são grandes e foi isso que aconteceu do dia 24 até o dia 26 no SESC Pompeia

Musicamuda

Sharon Van Etten e um dos melhores do ano

Dinâmico, relaxante, profundo, qualquer uma dessas definições é fácilmente cábivel ao novo álbum ‘ Are we there ‘ da americana Sharon Van Etten, que lança seu quarto álbum de estúdio, mostrando um amadurecimento e técnica incríveis nesse disco que é muito cotado como um dos melhores álbuns do ano.

unnamed

A cantora de indie-folk usufrui de uma musicalidade impressionante com melodias marcantes, onde relata passagens do que parecem momentos pelos quais a artista passou, sempre com muita sensibilidade leveza, o que vem sendo muito reconhecido e elogiado pela crítica.

Melhores músicas: Afraid of Nothing, Our Love, I Love You But I’m Lost.

Abaixo um dos singles desse novo álbum.