BEGIN TYPING YOUR SEARCH ABOVE AND PRESS RETURN TO SEARCH. PRESS ESC TO CANCEL

Entrevista: João Veppo, da Volt Project

A primeira vez que eu ouvi falar da Volt Project, ela ainda não tinha nome. Um amigo abriu um pvt no chat do Facebook e disse: “posso te ligar?”. Sabendo que ele sabe do meu ódio por conversas no telefone, conclui que, para pedir isso, devia ser importante. “Beleza, liga aí”, e, quando atendi, João Veppo começou a me contar do projeto que ele estava planejando criar. Fotos de festa, só que diferentes, tendo como referência o Cobra Snake. Mais espontaneidade e detalhes, menos efeitos manjados. Assim nasceu a Volt, na mão de três sócios: os fotógrafos João Veppo e Francisco Soll, e Vanessa Samurio, com o auxílio de Júlia Franz nas redes sociais e do fotógrafo de moda Miguel Soll – sobre quem falaremos mais aqui, outro dia.  Tudo começou nas festas que a Vanessa fazia na sua casa na Zona Sul de Porto Alegre. Tudo entre amigos, as festas sempre tinham decorações temáticas, bilhetinhos e outros mimos, às vezes começavam com máscaras, outras terminavam na piscina e as fotos, das câmeras de João e Chico, sempre ficavam ótimas. “Em um momento de bebedeira concluímos que as fotos de festa na cidade tavam um saco e que a gente podia fazer alguma coisa diferente. Chamamos a Vanessa pra fazer toda arte e identidade e nisso notamos que sem ela mandando na gente a empresa ia FALIR em uma semana então ela virou nossa sócia”, ele conta. LEIA MAIS.

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked

>